Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Identidade
Início do conteúdo da página
imagem sem descrição.


Sobre

O Serviço de Identificação do Exército foi criado pela Lei nº 3.089, de 8 de janeiro de 1916, com o nome de “GABINETE DE IDENTIFICAÇÃO DA GUERRA”, que instituiu a obrigatoriedade da identidade para todos os oficiais e praças do Exército, e com a finalidade de fornecer informações às Regiões Militares por meio de impressões digitais (dez dedos) do indivíduo. Seu primeiro diretor foi o Sr BELMIRO BRETAS, sendo inaugurado em 21 de agosto de 1916, no Departamento da Guerra, no Rio de Janeiro, na gestão ministerial de Exmo Sr Marechal José Caetano de Farias, que foi o primeiro identificado e recebeu a

Carteira de Identidade de Militar de número de registro 1G-000.001.

O Serviço de Identificação do Exército, visando atender com maior conforto a Família Militar, está organizado da seguinte forma.
- Chefia do Serviço, na DSM;
- 12 (doze) Gabinetes de Identificação Regional (GIR), subordinados aos Comandos das Regiões Militares (da 1ª a 12ª RM) e vinculados tecnicamente à Diretoria de Serviço Militar (DSM);
- 52 (cinquenta e dois) Postos de Identificação de Guarnição (P Idt Gu), vinculados tecnicamente aos GIR;
- 30 (trinta) Postos de Atendimento de Identificação funcionando nas SIP/OPIP, vinculados tecnicamente aos GIR; e
- Identificador de Corpo-de-Tropa (ICT), nas Organizações Militares (OM), cujo estágio de habilitação é regulado pela Portaria - DGP/C Ex nº 066, de 26 de março de 2021.

Estamos nos aperfeiçoando tecnologicamente e aprimorando nossa legislação para atender a todas as Guarnições Militares proporcionando melhor conforto no atendimento e menor tempo possível no fornecimento dos documentos de identidades para a nossa Família Militar.

Legislação em vigor sobre a Carteira de Identidade de Militar/Cartão Militar de Identificação:
- Decreto nº 8.518, de 18 de setembro de 2015;
- Portaria Normativa nº 82/GM-MD, de 1º de setembro de 2020;
- Portaria DSM/DGP/C Ex nº 232, de 23 de outubro de 2020;
- Portaria DGP/C Ex nº 200, de 29 de setembro de 2020; e
- Portaria DSM/DGP/C Ex nº 162, de 30 de junho de 2021.

A Carteira de Identidade Militar é obrigatória a todos os oficiais e praças do Exército. Já para os filhos (até 21 anos), cônjuges de militares e pensionistas o documento passa ser opcional.

Para solicitar a emissão do documento é necessário realizar o agendamento pelo site do SIBEx.



Saiba mais:
• Gabinetes e Postos de Identificação (GIR)


 

registrado em:
Fim do conteúdo da página